sábado, 7 de abril de 2012

Governo Sírio continua massacre de opositores


Por Fábio Agra

Apesar de a ONU ter estabelecido um prazo até a próxima terça-feira, 10, para que o governo sírio retire suas tropas das áreas de combate e pare com a matança, o exército sírio ignora a proximidade da data e faz ataques a três redutos dos opositores do regime de Bashar al-Assad. Pelo menos cerca de 100 pessoas foram mortas nas províncias de Homs, Aleppo e Hama, neste sábado, 7, segundo o Observatório Sírio dos Direitos Humanos e o grupo Comitês de Coordenação Local.

Segundo a ONU pelo menos 9,000 pessoas já morreram desde março de 2011, quando opositores do regime de Bashar al-Assad se insurgiram contra o governo. Nas últimas 24horas pelo menos 700 refugiados sírios se dirigiram para a Turquia, somando-se aos mais de 24 mil que procuraram segurança em países próximos.

Já em Damasco, os apoiadores do regime e membros do partido Baath saíram às ruas para comemorarem o 65° aniversário do partido Baath, que controla a Síria há 50 anos. Em fevereiro foi aprovada uma nova constituição que acaba com a supremacia do partido.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário